Rádio América Latina
--

Mídia internacional já se refere a Bolsonaro como câncer global!

fonte: https://www.brasil247.com/midia/imprensa-global-ja-se-refere-a-bolsonaro-como-cancer-global

Bom dia a todos.

Não foi falta de aviso.

Nenhum dono de bazar da periferia contrataria um funcionário homofóbico, violento, defensor da tortura e de torturadores, preconceituoso e racista, sem qualquer condição emocional para conviver com opiniões contrárias, pois isso afastaria os clientes.

Frequentadores de qualquer buteco não aceitariam na roda um sujeito agressivo, que dá risada das próprias piadinhas infames, que tivesse o hábito de andar armado e que tentasse ferrar com a vida dos frequentadores mais pobres. Teríamos aí o famoso espanta roda.

Ocorre que boa parte da população que não o contrataria pra funcionário de bazar nem aceitaria como frequentador de buteco achou que o mesmo sujeito poderia comandar um país complexo e desigual como o nosso. Tudo em nome da família e de Deus.

Deu nisso.

 

Jair Bolsonaro passou a ser retratado pelas principais publicações internacionais como o grande risco da humanidade, em razão da destruição da Amazônia, que foi estimulada por ele próprio, em seu início de mandato. Com seu ataque ao Inpe, o estímulo ao desmatamento e às mineradoras e a retórica contrária à ciência, ele se converteu em vilão da humanidade


247 – Jair Bolsonaro conseguiu destruir a imagem do Brasil no mundo, em razão de seu descaso com o meio ambiente e a política de destruição da Amazônia. É o que aponta o jornalista Nelson de Sá, na coluna Toda mídia, publicada na Folha de S. Paulo. Na manchete impressa do Le Monde no domingo, “Amazônia: clamor mundial contra Bolsonaro”, aponta o colunista. O jornalista também salientou o destaque conferido por outras publicações à devastação da Amazônia:


Editorial destacado no alto da capa defende que é “Um bem comum universal” e questiona: “Quem é dono da Amazônia? Os nove países em cujos territórios a imensa floresta se estende? O Brasil, que tem 60%? Ou o planeta, cujo destino está vinculado à sua saúde?”. No Libération, à esquerda, “Bolsonaro, o incendiário”. Em título interno, “Bolsonaro, câncer do pulmão verde”. A floresta e seu vilão também tomaram as capas de Le Figaro, Le Parisien e Ouest France, entre outros franceses. Na Alemanha, o mesmo quadro, ocupando a primeira página toda do conservador Frankfurter Allgemeine Zeitung, com o envio do exército, e do sensacionalista Bild, mais Die Welt, Süddeutsche Zeitung e Der Tagesspiegel, entre outros pelo país. Também na Espanha, pelas capas de El País, El Mundo e do catalão La Vanguardia. Na Itália, o enunciado do La Reppublica foi “O mundo contra Bolsonaro”, enquanto no Vaticano o estatal L’Osservatore Romano trazia a manchete “A Amazônia que queima é uma emergência mundial”.


 


 

Envie seu comentário

Rádio »

Saúde »

Horários de Atendimento em Postos de Saúde e Médicos Disponíveis em Cornélio Procópio - PR

Parceiros »

  • RICARDO LANCHES
  • MECANICA CARDOSO
  • FESTA FÁCIL
  • SOLAR
  • ENCADERNADORA PROCOPENSE
  • LANCHONETE PARADA OBRIGATÓRIA
  • PASTELARIA E SALGADARIA BOM PALADAR
  • PAULO EDUARDO
  • PANIFICADORA E CONFEITARIA BIG PÃO.
  • MARIUNS
  • CLEUZA NOIVAS
  • SANDRA CONFECÇÕES
  • ANDRÉ CAR
  • TROMBINI CAR
  • Marina Importados


Copyright © 2013 Luiz Carlos Amâncio - Direitos Reservados - Desenvolvimento AbusarWEB